NOSSA HISTÓRIA

A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de São José de Ubá surgiu de uma necessidade a atendimentos à pessoa com deficiência intelectual e múltipla.

Em 16 de maio de 2007, reuniu-se então: Pais; Prefeitura; Federação Estadual e a Comunidade, onde foi realizada uma reunião e, consequentemente, a fundação desta Instituição na Cidade. A Diretoria foi composta neste mesmo dia, sendo indicado como Presidente da APAE unanimamente por aclamação o Sr Adalto Eccard de Souza.

Desta forma, a Diretoria foi composta: Presidente: Adalto Eccard de Souza. Vice-Presidente: José Kifer dos Santos. 1º diretor Secretário: Clenilce Gandra de Paula Curty. 2º Diretor Secretário: Maria Conceição Alves Torres. 1º Diretor Financeiro: José Carlos de Souza. 2º Diretor Financeiro: Jorge Alfredo Machado Valeriote. Diretor de Patrimônio: José Cosme Andrade Lima. Diretor Social: Rosangela Godinho Silva. Conselho Fiscal Efetivo: Manoel Cunha Silva,Eva Pereira da Silva, Alzira Peres Gomes -Suplentes: Cesilene Alves Silva Moraes, Nilsandra da Silva Estephaneli, Elizabeth da Cunha Valeriote. Conselho de Administração: Rui Barbosa Torres, Nelci Marques da Silva, Ary Verdan Coelho, Cleudemir dos Santos, Ivany Silva Maia, Manoel Felipe de Jesus Filho, Paulo Brito Santana, Antônio Menezes Neves, Clóvis Pereira da Silva Junior, Bismarck José Ney, Fernanda Rodrigues Monteiro, Silvio Pinto da Silva, Juvenci Linhares de Jesus, Gerlaine Pereira da Silva, Concheta Diniz Valeriote.

Em 01º de outubro de 2007, foi inaugurada a primeira sede da APAE em um “casarão” alugado, situado à Avenida David Vieira Ney, nº.333, onde deu-se início aos atendimentos. Anteriormente, foi realizada uma reforma destinada para adaptação dos atendimentos, totalizando o valor gasto de R$ 11.899,76 , o qual foi arrecadado através de receitas de barracas de festas.

A APAE iniciou seus atenddimentos com um total de 28 alunos sob assistência de uma equipe multidisciplinar constituída de: 01 Médico Neurologista; 01 Psicólogo; 01 Fonoaudiólogo; 01 Pedagogo; 01 Fisioterapeuta; 01 Assistente Social; 04 Professores; 01 Responsável por Serviços Gerais; 02 Cozinheiras; 01 Coordenadora Geral e 02 Secretárias. Neste local, a APAE funcionou por 17 meses.

Em 01º de outubro de 2007, a APAE recebeu da Prefeitura Municipal de São José de Ubá uma doação de um terreno medindo 2350m², localizado na Praça Roque Rosa Vieira no Centro da cidade, e em 06 de março de 2009, através de trabalho árduo e persistente, foi inaugurada a sede própria da APAE. Denominada Bloco A, a sede foi construída através de recursos provenientes de diversos eventos; barracas de festas, bingos e rifas, entre outros, ou seja, Recursos Próprios, adquirindo à época o valor de R$ 119.410,00 (cento e dezenove mil e quatrocentos e dez reais), que foram integralmente destinados à construção da sede com um total de 295,13m².




Em 13 de maio de 2010, com Recurso do Governo Estadual (LOTERJ e Rio Solidário), a APAE obteve uma verba no valor de R$180.000,00 (cento e oitenta mil reais) destinada à construção do prédio anexo da APAE, denominado Bloco B. O qual compreendia a ampliação do Bloco A, gerando, desta forma o Bloco B, foi construído a mais: 01 cozinha no térreo; 01 sala para almoxarifado; 01 muro de concreto (arrima) com 28m de comprimento por 02m de altura; 01 rampa de 32m de comprimento e 2m de largura ligando 03 acessos -área interna da APAE, área externa da APAE e terraço-; 01 escada externa; 01 terraço com 755,08 m² totalmente coberto ; 01 cozinha com churrasqueira ; 02 banheiros espaçosos; 150m corridos de grade por 1,10m de altura cercando toda a área do terraço. E em 12 de novembro de 2010 foi realizada a inauguração da obra que resultou numa das maiores APAES do Estado do Rio de Janeiro, se tornando referência em toda a região e devido ao grande sucesso das novas instalações, a APAE foi presenteada com 01 Van Peugeot completa com capacidade para 16 lugares doada pelo Governo Estadual (LOTERJ e Rio Solidário) nesta mesma data.

A APAE referência do Estado do Rio de Janeiro é composta por 1.411,21m² de obra construída, composta com: 09 banheiros (sendo 04 banheiros com 03 repartições cada), 01 área de espera, 01 recepção, 01 sala para arquivo de documentos, 01 secretaria administrativa, 01 sala para os pais com banheiro, 08 salas de aula, 01 biblioteca, 01 sala de pedagogia, 01 sala de fisioterapia, refeitório completo com self-service, 02 cozinhas mobiliadas, 01 jardim com cobertura, 02 despensas, 01 área de recreação com TV, 01 área de serviço, 01 fraldário, 01 sala de assistência social, 01 sala de artesanato; 02 salas de psicologia, 01 salão de vídeo e reuniões, 01 sala de fonoaudiologia, 01 sala de informática, 01 sala de almoxarifado, 01 garagem de 08m de comprimento e 04m de largura, 01 muro de concreto (arrima) com 28m de comprimento por 02m de altura, 01 rampa de 32m de comprimento por 2m de largura ligando 03 acessos -área interna da APAE, área externa da APAE e terraço-,01 escada externa, 01 terraço com 755,08 m² totalmente coberto, 01 cozinha com churrasqueira, 02 banheiros espaçosos e 150m corridos de grade por 1,10m de altura cercando toda a área do terraço. Totalizando 44 cômodos, todos acabados e mobiliados. A obra completa desta sede teve o custo total de R$299.410,00.

Com relação à parte técnica e administrativa, a APAE possui vários setores, que se dividem em:

  • Setor Administrativo

    O Setor Administrativo, diretamente subordinado à Diretoria Executiva e Presidência compreende as seções de: convênios, departamento pessoal, contábil, recepção, setor de sócios, setor de patrimônio e almoxarifado, serviços gerais, transporte e segurança. O coordenador é o responsável pelo bom andamento deste setor.

  • Setor Científico

    O Setor Científico, supervisionado pelo Coordenador , diretamente subordinado à Diretoria Executiva e a Presidência, compreende o Setor Biblioteca e Divulgação Científica. É o órgão que se responsabiliza por toda e qualquer atividade científica que envolva a APAE.

  • Setor de Estimulação Precoce

    O trabalho de Estimulação Precoce tem como princípio básico o acompanhamento clínico-terapêutico de crianças com atraso de desenvolvimento motor, bebês com história de prematuridade e bebês de risco, propiciando intervenções, juntamente com a família, para que fatores como: maturação do sistema nervoso; estruturação cognitiva; desenvolvimento da linguagem e comunicação; estímulo e aprendizagem e a autonomia e socialização possam se articular de forma que a criança consiga o melhor desenvolvimento possível.

    O Estímulo Precoce tem como objetivo criar condições facilitadoras para ajudar no desenvolvimento da criança através de técnicas específicas, jogos, atividades e outros recursos, assim como evitar ou minimizar as consequências dos distúrbios de desenvolvimento. A ausência dos estímulos adequados precocemente pode acarretar o desenvolvimento tardio de funções importantes como: fala, locomoção e cognição ou até mesmo a não aquisição destas.

    O estímulo adequado é uma forma de orientação do potencial e das capacidades dos pequenos. Estimular uma criança proporciona-lhe um leque de oportunidades e experiências que o fará explorar, adquirir habilidades e entender o que ocorre ao seu redor.

    O setor atende crianças de 0 a 4 anos.

  • Setor Educacional

    O Setor Educacional engloba as classes escolares atendendo a clientela após a alta do Setor de Estimulação Precoce, sendo Educação Infantil de 4 a 6 anos e Ensino Fundamental de 6 a 14 anos. Desenvolve o trabalho de educação física, oficinas psicopedagógicas, oficina de teatro, oficina de dança, oficina de artesanato, oficina de culinária e oficina de informática.

    Participa ainda deste setor o atendimento a crianças com diagnóstico de Transtorno do Espectro Autista (TEA) e problemas similares.

  • Setor de Ambulatório

    O Setor de Ambulatório é constituído de pacientes que não fazem parte dos outros setores já citados anteriormente, ou seja, são pacientes que recebem somente atendimentos clínicos.

Quem é a clientela da APAE? Como iniciar os atendimentos na Instituição?

O Cliente é encaminhado para avaliação multidisciplinar através do médico ou de outros profissionais da área de saúde; através da escola onde esteja matriculado por apresentar dificuldades na aprendizagem; por iniciativa própria no caso da família achar necessário e ainda por indicação do Conselho Tutelar.

O primeiro contato na Instituição é realizado pelo setor de Serviço Social onde a família do cliente fará o pedido de vaga e a partir daí iniciará o processo de triagem, ou seja, cada técnico fará avaliação específica de sua área. Após as avaliações faz-se uma reunião com a equipe, chamada Estudo de Caso objetivando discutir o caso em questão para determinar sua permanência ou não na Instituição. O cliente permanecerá se o seu diagnóstico for de Deficiência Intelectual. Caso o cliente esteja dentro da faixa etária de 0 a 4 anos e necessita de Estimulação permanecerá no setor especifico. A partir desta idade ele será encaminhado ao setor Educacional que se divide em etapas, sendo estas distribuídas de seguinte forma: 1ª etapa corresponde aos conteúdos de Educação Infantil, 2ª etapa início do processo de alfabetização, 3ª etapa é o aprofundamento da etapa anterior, 4ª etapa é a conclusão do processo de alfabetização, 5ª etapa é o inicio do 2º ano, 6ª etapa é o aprofundamento dos conteúdos de etapa anterior e a 7ª etapa objetiva dar continuidade a 6ª etapa.

Clientes com diagnóstico de Transtorno do Espectro Autista (TEA) são acompanhados com metodologia especifica.

Dentro deste setor são desenvolvidos com os alunos acima de 14 anos, estágios internos como por exemplo: atender telefone, serviços gerais, portaria e estágios externos no comércio como uma preparação para o mercado de trabalho.

Concluído o processo de triagem, faz-se a Entrevista de Devolução com a família onde cada técnico explicará a avaliação ocorrida, definindo se o cliente permanecerá ou não na Instituição.

São realizados também atendimentos através do grupo Psicossocial (Psicologia e Serviço Social) para os pais e grupos Terapêuticos (Psicologia) para os funcionários.

Faça-nos uma visita! Teremos imenso prazer em acolhe-lo(a) e apresentar de perto esta Instituição que é elemento essencial para o melhor desenvolvimento das pessoas que a freqüentam.

A APAE DE SÃO JOSÉ DE UBÁ ESTÁ DE PORTAS ABERTAS PARA VOCÊ!

DIRETORIA

PRESIDENTE DE HONRA
ADALTO ECCARD DE SOUZA

APAE DE SÃO JOSÉ DE UBÁ GESTÃO 2017/2019

DIRETORIA EXECUTIVA

PRESIDENTE
VANESSA ECCARD

VICE-PRESIDENTE
MANOEL CUNHA SILVA

1° DIRETOR SECRETÁRIO
BRUNA JANINE BARROS SANGI FRANÇA

2° DIRETOR SECRETÁRIO
CELSO BERNADINO DA SILVA

1° DIRETOR FINANCEIRO
LUCIMAR PEREIRA DA COSTA

2° DIRETOR FINANCEIRO
JOSÉ HYLEN DA SILVA MELLO

DIRETOR DE PATRIMÔNIO
ROSELANE FERNANDES FRANÇA OLIVEIRA

DIRETOR SOCIAL
LIANA GODINHO COELHO CARNEIRO FREIRE

CONSELHO FISCAL EFETIVO

ELY BRAGA DA SILVA

MARLENE DE OLIVEIRA SILVA MARQUES

RENILDO DE OLIVEIRA CUNHA

CONSELHO FISCAL SUPLENTE

ALZIRA PERES GOMES

EVA PEREIRA DA SILVA

SÔNIA REGINA MARINHO BAPTISTA RIBEIRO

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

ADALTO ECCARD DE SOUZA

ARTHUR ALFREDO DE SOUZA BERNARDO

ARY VERDAN COELHO

LUZIA DE FÁTIMA JESUS RIBEIRO

EDILSON ROQUE DA SILVA

LARISSA MATIAS DA SILVA

DANIEL LEITE DA SILVA

ROSE MARY FAUSTINO DA SILVA SOUZA

APARECIDA DA CONCEIÇÃO SILVA DINIZ

MARLETE DA SILVA NASCIMENTO

BIANCA SÁ DA SILVA

MARCELA DA CONCEIÇÃO SANTOS

ADENILZA OLIVEIRA DA SILVA

LUCIENE SILVEIRA MARQUES

NILZA PEREIRA DA SILVA RODRIGUES

ELZI FIRMINO DA SILVA

ADÃO DA SILVA FARIA

AUTODEFENSORIA

Nicolli Silva Estephaneli, Gabriel Nascimento Leite, Kellifer Felipe da Silva e Urgel Marcos Silva Dias

AGENDA

TRANSPARÊNCIA

PRESTAÇÃO DE CONTAS NA APAE: TRANSPARÊNCIA E DIVULGAÇÃO

É de suma importância que os recursos recebidos pela entidade tenham adequado tratamento em sua aplicação e que a prestação de contas seja revestida de total transparência.

Uma das mais importantes fontes de recurso é aquela advinda da comunidade em geral, que tem conhecimento e participa diariamente das ações das entidade.

Dessa forma, a eficiência na aplicação dos recursos financeiros, bem como a boa utilização dos bens pela entidade, é demonstrada em prestação de contas elaborada com total transparência e permitindo a aferição dos reais benefícios alcançados, fundamental para a satisfação dos parceiros e colaboradores.

Selecione no calendário ao lado o ano e o mês de referência para pesquisar a prestação de contas.

CONTATO

Envie-nos um e-mail

Entre em contato conosco para tirar dúvidas, dar sugestões ou obter informações sobre como colaborar com a APAE.

Atenção! Preencha todos os campos corretamente.
Ocorreu um erro ao enviar seu email!

Feito! Mensagem enviada com sucesso!

Nosso Endereço

Horário de Atendimento

  • Segunda à Sexta - 7 às 17 hr

Colabore com a Apae

  • Caixa Econômica
    Agência: 0182
    Operação: 003
    Conta: 3944-1

  • A APAE agradece

© Copyiright 2017 - Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por FDC Sistemas.